Óleo Lubrificante Para o Seu Carro - Tudo o Que Você Precisa Saber

80,143

Quantos tipos de óleo de motor existem? Como são eles?

Os óleos são caracterizados por suas especificações. Para melhor defini-los, precisamos observar três aspectos:

1) Especificação de desempenho - a mais tradicional é a API (Instituto Americano de Petróleo), mas existem especificações européias, como Acea e as respectivas de cada montadora. Para API a especificação mais moderna é a SM, que está sendo introduzida no Brasil, principalmente para produtos de alta performance, uma vez que requer óleos básicos especiais.




2) Especificação de viscosidade - regulada pela SAE (Sociedade de Engenheiros da Mobilidade), há basicamente dois grupos, o de monoviscosos (como 30, 40 e 50) e multiviscosos (como 20w50, 10w40, 5w40); os multiviscosos têm maior capacidade de resistir à variação térmica dos motores, apresentando menor redução de valor quando do aumento da temperatura.

3) Base do óleo - pode ser mineral, sintética ou semi-sintética. As marcas tradicionais no mercado (Petrobras, Shell, Texaco, Mobil, Castrol, Ipiranga e Repsol) costumam ter produtos que atendem a essas especificações.

Detalhando um pouco mais:
Óleo mineral multiviscoso - O mineral multiviscoso é o mais comum no mercado. Esse tipo de óleo é adequado para qualquer motor, sendo ele de qualquer cilindrada ou combustível. Sua principal característica é adaptar a viscosidade de acordo com a temperatura de funcionamento do motor.

Vamos tomar como exemplo o 15W40. O primeiro número indica a viscosidade do óleo em uma temperatura baixa, como na hora da partida, e o segundo indica a viscosidade à temperatura operacional. Quanto menor o primeiro número, mais fino é o óleo e quanto maior o segundo, mais grosso. O cuidado necessário é efetuar as trocas antes de atingir o limite de quilometragem, nesse tipo de óleo recomendada a cada 5 mil quilômetros. Caso passe despercebido, com o tempo provoca alto índice de carbonização interna do motor que, a partir de então, fica sujeito a falhas e quebras.

Óleo semi-sintético - O semi-sintético é o óleo que mistura a base sintética com a mineral. Esse tipo é recomendado para motores mais potentes que trabalham em altas rotações. Mas, nada impede seu uso em motores menos potentes. Provoca menos carbonização interna e contribui para amenizar o atrito entre as peças internas do motor, principalmente durante a partida, quando a maior parte do óleo encontra-se em repouso no cárter – reservatório do óleo. Ele também é do tipo multiviscoso. A troca é recomendada pela maioria dos fabricantes a cada 10 mil quilômetros, mas convém efetuá-la antes disso, por volta dos 8 mil.

Óleo sintético - Os sintéticos são os mais elaborados e caros e prometem manter a viscosidade constante, independentemente da temperatura de funcionamento do motor. Com essa característica a tendência é não carbonizar o motor. São indicados para os modelos esportivos que trabalham em regimes mais severos. A troca é recomendada a cada 20 mil quilômetros, mas é bom ficar sempre atento ao nível.

Como decido que tipo de óleo usar?

A definição do lubrificante envolve uma série de quesitos, mas a forma de simplificá-la é seguir a recomendação do manual do proprietário, que traz a recomendação do fabricante que é quem melhor conhece seu veículo e pode definir, por meio de testes, as condições operacionais e a especificação mais adequada do lubrificante.

Seguindo essa recomendação, trabalhando com marcas tradicionais e confiáveis e consultando seu mecânico de confiança, você chegará a uma escolha adequada. Tendo dúvida, o cliente ainda pode consultar o serviço de atendimento ao cliente. Também no rótulo das embalagens em geral se encontra um número de atendimento, quase sempre um 0800 que pode ser acionado pelo cliente.

Quando devo completar o nível de óleo?

Com o uso do carro, o nível do óleo baixa um pouco devido às folgas do motor e à queima parcial na câmara de combustão. Assim, enquanto não chega a hora de trocar o óleo, devemos ir completando o nível.

Qual o nível correto do óleo no carro?

Ao contrário do que a maioria das pessoas pensa, o nível correto se encontra entre os dois traços e não só no traço superior. Se o óleo fica abaixo do mínimo da vareta, o motor pode ser prejudicado por falta de lubrificação. No entanto, se o óleo fica acima do máximo da vareta, haverá aumento de pressão no cárter, podendo ocorrer vazamento e até ruptura de bielas, além do óleo em excesso ser queimado na câmara de combustão sujando as velas e as válvulas, danificando também o catalisador no sistema de descarga do veículo.

Quando devo trocar o óleo do carro?

Quando atingir o período de troca recomendado pelo fabricante do veículo e que consta do manual do proprietário. Os atuais fabricantes dos motores vêm recomendando períodos de troca cada vez maiores, dependendo do tipo de serviço e da manutenção do carro.

É verdade que o motor deve estar quente na hora de troca de óleo?

Sim, porque quando o óleo está quente, ele fica mais fino e tem mais facilidade de escorrer, além do que as partículas de impurezas ainda estão em suspensão.

Quanto tempo devo esperar para medir o nível de óleo?

É importante que se espere pelo menos 15 minutos após o motor ter sido desligado para medir o nível. Isso ocorre porque, neste tempo, o óleo vem descendo das partes mais altas do motor para o cárter e assim podemos ter a medida real do volume.

Posso aumentar o período de troca quando uso óleos sintéticos?

Embora os lubrificantes sintéticos ofereçam qualidade superior, a maioria dos fabricantes de veículos ainda não diferencia os períodos de troca entre sintéticos e minerais. Recomendamos então seguir a indicação do manual do proprietário.

Qual a diferença entre “serviço severo” e “serviço leve”, que são termos usados pelos fabricantes de veículos quando falam em intervalos de troca?

Serviço severo é típico para os carros que andam nos centros urbanos, com o anda-e-pára do tráfego e por pequenas distâncias, de até seis quilômetros, ou em estradas em que haja muita poeira. Serviço leve é aquele em que os carros trafegam por percursos longos e velocidades quase constantes em rodovias com boa pavimentação, como no caso de viagens.

O filtro de óleo também deve ser trocado? Quando?

Sim. O óleo, com seus aditivos detergentes e dispersantes, carrega as sujeiras que iriam se depositar no motor. Ao passar pelo filtro, as impurezas maiores ficam retidas, e as menores continuam em suspensão no óleo. Chega um momento em que o filtro, carregado de sujeira, dificulta a passagem do óleo, podendo causar falhas na lubrificação. A situação se agrava quando ocorre o bloqueio total do filtro de óleo, o que pode causar sérios danos ao motor.

O período de troca do filtro de óleo também é recomendado pelo fabricante do veículo e consta do manual do proprietário. Normalmente ela é feita a cada duas trocas de óleo. Porém já existem fabricantes que recomendam a troca do filtro a cada troca do óleo, para que não haja mistura do óleo novo com o residual que se encontra no filtro.

Devo adicionar algum aditivo ao óleo para melhorar o desempenho?

Não há necessidade de adicionar aditivos complementares ao óleo. Os lubrificantes recomendados já trazem todos os aditivos necessários para atender perfeitamente ao nível de qualidade exigido.

Quais são os efeitos de usar cada óleo em cada tipo de motor? Se eu comprar um óleo para alta performance e colocá-lo em meu carro 1.0, estarei correndo algum risco?

Quando o óleo atende ou supera a especificação requerida pelo fabricante, os efeitos são só positivos, pois o lubrificante vai exercer sua função de forma adequada, garantindo que o motor estará sempre bem lubrificado. O grande problema é utilizar lubrificantes com especificações inferiores ao exigido pelo fabricante, pois essa prática poderá fazer com que o motor funcione sem atender ao mérito de limpeza adequadamente, causando desgastes prematuros, redução da vida útil do lubrificante, entre outros problemas.

Há casos em que posso desperdiçar dinheiro? Ou seja, comprar um óleo mais caro sem precisar?

O que precisamos avaliar aqui é o custo do lubrificante quando comparado ao custo total de manutenção e o próprio valor de veículo, principalmente quando analisamos a taxa de freqüência de troca que gira em torno de uma a duas trocas por ano. Correto seria utilizar lubrificantes que atendam a especificação do veículo. Utilizar lubrificantes superiores, ainda que possa ser mais caro, vai garantir que seu motor esteja bem protegido.

Caso o consumidor se sinta confortável em utilizar especificações superiores, não estará desperdiçando dinheiro, pois seu carro apresentará uma melhor lubrificação, o que pode aumentar sua vida útil e reduzir os custos de manutenção. Um ponto importante a observar é que os óleos sintéticos têm viscosidades mais baixas, o que em carros muito antigos pode implicar em um maior nível de consumo de óleo, que precisa ser acompanhado. O litro de óleo mineral custa a partir de R$ 6, e o de sintético chega a R$ 60.

Qual é a relação entre usar combustível de um posto não muito confiável e a questão da lubrificação?

Combustíveis adulterados são danosos ao motor e implicam queima inadequada e excesso de sujeira no motor. Lubrificantes de maior performance, como semi-sintéticos e sintéticos poderiam resistir um pouco mais que os minerais, mas não seriam suficientes para evitar a borra em motores que rodam com combustíveis fora das suas especificações, principalmente aqueles adulterados com solventes.

É verdade que o óleo de motor deve ser claro, e o de engrenagem, escuro?

Não. Os óleos lubrificantes são formulados misturando-se básicos e aditivos e a sua cor final dependerá da cor do básico e do aditivo que forem empregados na sua formulação. Além disso, a cor não tem nenhuma influência no desempenho do óleo.

O óleo mais escuro é também mais grosso?

Eis outro conceito errado. O óleo mais claro pode ser mais viscoso (grosso) do que um óleo escuro e vice-versa.

Por que o óleo de motor fica escuro com o uso?

Para realizar a função de manter o motor limpo, o óleo deve manter as impurezas que não ficam retidas no filtro de óleo em suspensão, para que elas não se depositem no motor. Desta forma, o óleo se torna mais escuro, e o motor fica limpo.

Ouço dizer que óleo bom é aquele que não baixa o nível e não precisa de reposição. É verdade?

Não. A boa lubrificação é aquela em que o óleo lubrifica até o anel do pistão mais próximo da câmara de combustão onde esse óleo é parcialmente queimado, sendo consumido. É normal um consumo de meio litro de óleo a cada 1.000 quilômetros, levando-se em conta carros de passeio. Mas cada fabricante de motor especifica um consumo normal para seu motor, de acordo com o projeto. É bom ressaltar que carro novo consome óleo, sim senhor!

Se tiver dúvidas deixe um comentário! Veja Também...

  1. 56 respostas to “Óleo Lubrificante Para o Seu Carro - Tudo o Que Você Precisa Saber”

  2. Por Marcello Em Out 17, 2009 | Responder

    Gostei muito das informações deste site e gostaria de receber todas as materias referentes a veiculos.
    Obrigado.

  3. Por RUBEN Em Jan 26, 2010 | Responder

    Gostei muito das explicações. Muito úteis e fáceis de acompanhar! Valeu.
    Rúben

  4. Por Jorge Em Jan 28, 2010 | Responder

    Boa tarde Marcelo, estou adquirindo um honda civic ano 2002 EX automático, gostaria de saber qual o óleo que devo usar, a Honda aconselha a usar o 10w30 mineral mas esse óleo só é encontrado na autorizada, por isso custa uma notinha. Deve ter outro tipo de óleo similar a esse. Desde já agradeço.

  5. Por bruno silva Em Fev 6, 2010 | Responder

    ta ai muito bem explicado muito obrigado

  6. Por lucas Em Mar 19, 2010 | Responder

    qual tipo de oleo mais usado no astra Gl 99.

  7. Por ivan candeias-ba Em Jul 10, 2010 | Responder

    ola amigos eu usava o 20w50 no corsa classic 05/05 mudei para o 15w40 ele ja tem 97000 ja posso colocar o de alta rodagem ou continuo no que ja estou

  8. Por Élcio Guedes Vieira Em Jul 20, 2010 | Responder

    Desejo saber o oléo adequado para troca no GOL 1.0 8V ano 2005

  9. Por denivaldo Em Ago 9, 2010 | Responder

    tenho um voyage ano 89, motor AP 1.8 equeria saber qual o melhor óleo recomndado por vcs pelo ano de fabricação dele, se é o (SAE 5w40) (SAE 10W40) OU )(SAE 15W40), pois cada mecânico diz uma coisa e essas informações podem ser perigosas para o propritário.
    E qual o produto bom para limpar ou evitar criar crosta (sujeiras )no radiador e galerias do bloco do motor.

  10. Por Maycon Oleczinski Em Ago 27, 2010 | Responder

    Sobre o óleo 10w30 mineral que a Honda indica:

    Só efetuo a troca na concecionária e o principal motivo é o custo: está mais barato que qualquer outro óleo similar encontrado. Ao menos na minha região é assim. O custo de troca de óleo+filtro+retentor (aquela vedação que sempre colocam nova, fico pessoalmente vistoriando a troca) custa aqui R$ 108,00.

  11. Por cristiano Em Set 1, 2010 | Responder

    ola… trabalho em uma empresa de açucar e alcool no setor de lubrificação, tenho uma certa esperiencia mas tenho algumas duvidas, por exemplo, um câmbio zf uso óleo e.p 90 gl 4 porque não posso usar o óleo sae 90 gl 5 são eses os exemplos que gostaria de saber , não so desse tipo de óleo mas si possivel de varios. obrigado… se poderem mi ajudar. agradeço..

  12. Por jose tadeu Em Set 19, 2010 | Responder

    O que é viscosidade?, e como medimos?
    Como consigo calcular a viscosidade de um redutor de engrenagens helicolidais, para que eu tenha menor desgaste e menos ruidos destas engrenagens sabendo-se que a carga que este recebe é de 400toneladas?

    Jose tadeu.

  13. Por manoel Em Nov 18, 2010 | Responder

    Queria saber se posso misturar óleos de marcas diferentes, porém com a mesma especificação?

  14. Por Daniel Em Dez 22, 2010 | Responder

    muito esclarecedor!!! tenho um gol 90 tirei minhas duvidas

  15. Por ALEXANDRE BATISTA Em Fev 21, 2011 | Responder

    Não tem concessionário da honda na minha cidade: Matão/SP. Toda troca de óleo “honda” tenho que agendar e viajar a uma Cidade a mais de 30 KMs. pra fazer a troca, gostaria de saber se existe alguma empresa que posso comprar via Internet o óleo (orinal HONDA) e mandar trocar na minha cidade?, pois até o momento não consegui, através de pesquisa no Google, resolver este problema. ESPECIFICAÇÕES: VEÍCULO HONDA CIVIC LX - 2000 - 1.6 -ÓLEO HONDA.
    ONDE COMPRAR?

  16. Por Douglas Em Mai 18, 2011 | Responder

    Boa noite gostaria de saber que tipo de oleo e usado na embreagem do honda civic 1998 e o mesmo fluido de freio obg

  17. Por babalu soares Em Jul 20, 2011 | Responder

    ai…fiquei até empolgada… adoro um Honda Civic 2002…sou louca pra dar uma voltinha dentro de um carrão sedã de luxo desses… vou te passar meu numero gostoso!!!!!!!!!!

  18. Por babalu soares Em Jul 20, 2011 | Responder

    …eu sou louca por um gatinho aqui da minha cidade que é gerente de uma loja de ferramentas que tem um lindo Honda Civic 2002 prateadão todo estiloso…eu já mandei um curriculo pra loja dele pra ser a secretaria particular dele…e vou sair com ele nas reuniões importantes dentro do carrao.

  19. Por paulo Barros Em Jul 26, 2011 | Responder

    Qual o oleo que devo usar no EscortL. Europeu ano 93/94 motor cht 1.6 a alcool

  20. Por paulo Barros Em Jul 26, 2011 | Responder

    o oleo 15w40 e mais grosso de que o 20w50?

  21. Por SAMIR Em Ago 11, 2011 | Responder

    BOA NOITE QUANDO LIGO O MOTOR DO MEU CARRO PELA MANHÃ OU QUANDO FICA ALGUMAS HRS PARADO PARECE QUE ESCUTO VALVULAS BATENDO, PARANDO ESTE BARULHO EM ALGUNS SEGUNDOS APOS O MOTOR ESTAR TOTALMENTE LUBRIFICADO, É NORMAL ISSO ME AJUDEM NESTA DUVIDA. VALE LEMBRAR QUE ACABEI DE COMPRAR O VEICULO ANO 2010 E A MINHA DUVIDA É QUAL FOI O TIPO DE OLEO QUE COLOCARAM NA SAIDA DA REVENDEDORA OBRIGADO.

  22. Por gilberto Em Ago 23, 2011 | Responder

    qual o oleo lubrificante para fiesta 1997 com 98.000 km rodados

  23. Por Francisco Evanio Em Set 9, 2011 | Responder

    Quantos km faze o Mobil p/ moto de caminhãos

  24. Por Eduardo Freitas Em Set 20, 2011 | Responder

    Qual melhor óleo lubrificante para um Honda Fit 2004, 1.4 gasolina.

  25. Por farias Em Out 11, 2011 | Responder

    Caro amigo vc tem que procurar sempre um ponto de troca especializado para fazer suas trocas.Nunca fazer em postos de gasolina,pois estes não estão nem um pouco preucupados em te oferecer oque realmente e ideal para seu carro.Em casas de troca de oleo sempre tem o oleo ideal para seu carro como profissionais competentes para te dar uma informação certa.Se vc se necontra em São Paulo capital,uma dica é o Reidoo

  26. Por Felipe Morgan Em Out 17, 2011 | Responder

    qual o melhor oleo para um Marea 1.8sx 16v 132cv? O ultimo dono recomendava o 5w40. Em pouco mais de 5mil km ja tive q trocar 3 vezes. Qual vcs recomendam?

  27. Por Fabiano Em Out 18, 2011 | Responder

    Quanto maior o intervalo entre o número à esquerda da letra W e o número à direta será um óleo mais apurado e de melhor capacidade de lubrificação. Uso em meu Astra 5W40. Meu carro está com 98.000Km e nunca sequer fiz manutenção a nível de motor. O óleo não abaixa e já mandei tirar a tampa do cárter e a do comando de válvula para manutenção preventiva (aficionado) e o motor está como novo. A marca é independente. É a mesma coisa com embalagem diferente. Sempre procuro o óleo 5W40 mais barato e nunca tive problema. Se alguém discordar dizendo por exemplo que a FORD recomenda MOTORCRAFT é pura barela, pois é a mesma coisa de você comprar um pneu Firestone ou Michellin com a mesma especificação (tirando é claro as particularidades de pneus).

  28. Por Lincoln Cesar Em Nov 3, 2011 | Responder

    Troquei a embreagem do meu ap 1.6 cli. mas o óleo ja ta baixando, a embreagem pega óleo tbm quando colocada nova?

  29. Por ANDERSON N. SILVA Em Jan 3, 2012 | Responder

    SENHORES, BOA TARDE!

    GOSTARIA DE SABER QUAL O OLEO IDEAL PARA O ESCORT ZETEC, E TAMBEM QUANTO TEMPO DEVO TROCAR O OLEO DE CAMBIO, QUAL É O DOIS TIPOS DE OLEO QUE DEVO USAR, ALGUMAS SUGESTÕES?

    OBRIGADO

  30. Por messias f s Em Jan 4, 2012 | Responder

    eu comprei um carro fiat uno 94 com ejecao eletronica quau dicas vc mim da,sobri o olio que marca de olio filtro que dicas vc mim que é de extrema necesidade muito obrigado. obg

  31. Por JC Em Jan 19, 2012 | Responder

    Amigo tenho um Honda civic aut 2000, esta queimando um pouco, uso óleo 10w40 Castrol GTX anti borra (base mineral). Gostaria de saber se posso usar o 20w50 para queimar menos? Obg

  32. Por Jorge Em Jan 21, 2012 | Responder

    o lubrificante do marea tem que ser da marca selenia.Quanto a viscosidade é bom ir até na Fiat.É um carro que dá problema.Não aceita qualquer óleo. Tem que ser na especificação correta.

  33. Por andré Em Fev 2, 2012 | Responder

    gostei muito das informacoes contidas neste saite.
    seria possivel receber informacos via email?

    DUVIDAS !!!

    comprei um corsinha 1.0 8v mpfi ano 2000/2000
    ele esta com 170.000 km rodados
    apesar dos kms o motor ta filé.
    qual o melhor tiopo de oleo?
    mineral , semi-sintecico
    sei que o semi-tecico é melhor
    a duvida é pelos kms rodados 170.000
    usar um oleo semi.. em um motor
    rodado assim teria algum problema?
    abraços

  34. Por Reginaldo alves Em Fev 12, 2012 | Responder

    olá boa tarde.tenho um santana ano 94 2.o a gasolina,posso usar o óleo selênia? si puder qual o recomendado?si não por favor qual o óleo q ajudara na melhor perfomace do meu veiculo? agradeço desde já.

  35. Por Fernando Curitiba Em Fev 16, 2012 | Responder

    Galera, poe o LISA especial para coxinhas que fica tudo certo! Minha trackfield não bate nada, só frita pneu! hehehe

  36. Por Fernando Curitiba Em Fev 16, 2012 | Responder

    Brincadeira…Muito bom esse blog…recomendarei para meus amigos! Abraços

  37. Por samuel Em Fev 19, 2012 | Responder

    como eu conceguiria melhorar o desempenho du meu carro mil e um corsa sedam 99

  38. Por Marcos Em Fev 26, 2012 | Responder

    Oleo sintético não é muito bom no Brasil, porcausa da gasolina de péssima qualidade, este tipo de óleo só é bom em motores novos, depois disto ele é uma tragédia, ele não bloqueia o blow by que é violento em carros com mais de 100 mil kms…e isto desregula a injeção, criando com o tempo borra. Quem usa óleo sintético troque sempre com 6 meses a gasolina mais o álcool potencializa a borra.

  39. Por iram Em Mar 3, 2012 | Responder

    olha achei muito bom as esplicações sobre os lubrificantes fui muito bom valeu mesmo.

  40. Por paulo Em Mar 20, 2012 | Responder

    tenho uma ranger 2008, gotaria de saber se é normal a mesma baixa oleo a cada 100km, rodados.

  41. Por fernando Em Abr 8, 2012 | Responder

    A Renault começou no Brasil sugerindo a troca do óleo sintético aos 40 mil kms, depois abaixou pra 20..10…e agora os mecânicos a boca pequena sugerem 10 mil kms ou 6 meses, motivo gasolina brasileira e poeira que no Brasil é muito maior que na europa, o problema é que algumas pessoas lêem rótulos de Bardalh B12, STP e de óleo sintético e ficam dizendo tudo que tá escrito lá, as montadoras mentem no manual por que quem escreve são marqueteiros e eles querem vender…Tem manual que diz que troca normal de óleo é uso rodoviário, outro manual diz que não precisa trocar fluido de freio - e a umidade que se forma formando bolhas e corrosão? outro manual diz não precisa trocar o fluido do radiador - no oitavo ano o alumínio se desmancha… já vi manuais dizendo que não precisa troca o atf do câmbio automático…com 150 mil kms as caixa começaram a quebrar…a única coisa que tem verdade é o fluido da direção hidráulica e o dos atuais câmbio mecânicos a durabilidade é muito boa…não precisa trocar…O óleo sintético no Brasil não está bem…ele é ótimo na europa onde é frio e tem gasolina boa, aqui ele é levemente superior ao mineral em motores com pouca folga, mas em motores cansados ele dá mais problemas que benefícios, mas os vendedores de óleo adoram este óleo que da muito mais lucro que o sintético…

  42. Por junior Em Mai 30, 2012 | Responder

    o fabricante indica o oleo 5w30, acima de 100 mil km continuo usando o mesmo oleo

  43. Por Léo Em Jul 3, 2012 | Responder

    Texlub SAE 20W50 API SJ

  44. Por jovarez g de moraes Em Jul 26, 2012 | Responder

    ola.estou com uma duvida comprei um veiculo usado;um golf 2004/1.6/gas, não sei o tipo de óleo que o antigo dono usava, gostaria de saber se posso usar um semi-sintético ou sintético mesmo se ele estiver usado um do tipo mineral? e qual vcs recomendam para esse tipo de veiculo,pois cada um com quem converso fala uma coisa e essa mudança pode provocar problemas no motor do veiculo.

  45. Por jricarrdo Em Ago 8, 2012 | Responder

    Qual o óleo recomendado para o Honda Civic EX automático 1998?
    Independente da marca eu preciso das especificações.
    Obrigado.

  46. Por LEANDRO Em Ago 16, 2012 | Responder

    OLÁ BOM DIA À TODOS! TENHO UM COROLLA 1.6 16 VALVULAS - ANO 2007 - COM GNV, ELE ESTÁ COM 85.000 KM, GOSTARIA DE SABER QUAL O ÓLEO CERTO PATA USAR. OU SE JA TEM QUE SER UM ÓLEO MAIS GROSSO, NO CASO EU JA USO O 10W40 - SEMI SINTÉTICO. MUITO OBRIGADO! AGUARDO AJUDA

  47. Por dercio Em Ago 25, 2012 | Responder

    O nivel de oleo de meu gol 94, estava abaixo da linha de marcação da vareta, mais ou menos um centimetro, como sempre utilizei oleos com a especificação 20w-50, comprei um oleo VS+ Max, supermultiviscoso e mineral,com essa especificação, fui completando aos poucos até o nivel chegar na linha da vareta, usou um litro. Depois que liguei o carro começou a sair fumaça cinza pelo escapamento quando a aceleração era forçada. Isso é normal, ou o nivel ficou acima do nescessario?

  48. Por dercio Em Ago 25, 2012 | Responder

    Completando meu comentario anterior, agradeço antecipadamente por uma informação sobre o problema que encontrei.

  49. Por André M. Neto Em Set 10, 2012 | Responder

    Cristiano, Bom dia,
    Referente sua pergunta: um câmbio zf uso óleo e.p 90 gl 4 porque não posso usar o óleo sae 90 gl 5 ? Necessito de maiores informações o cãmbio ZF é de qual veículo ?
    Vou solicitar ao Paulo César responsável pelo Depto. Técnico de nossa empresa, te responder suas dúvidas, mas já adianto que é sempre o fabricante da máquina, equipamento ou veículo que recomenda o lubrificante a ser utilizado, e nunca a indústria de lubrificantes, ou as duas indústrias em conjunto…
    Obs: em muitos casos o óleo 90 GL5 pode fazer com que o cambio “patine” pois o GL5 90 tem mais aditivos do que o óleo 90 GL4.
    Abraços,
    André M. Neto
    Rep. Coml. Petrol Lubrificantes

  50. Por André M. Neto Em Set 12, 2012 | Responder

    Respondendo á duvida de Sr. Cristiano datada de Set 1, 2010
    Dúvida:
    “um câmbio zf uso óleo e.p 90 gl 4 porque não posso usar o óleo sae 90 gl 5 ?”
    Resposta:
    Realmente isso gera muitas dúvidas pois os lubrificantes para cambio com o API GL5,
    são mais aditivados que os lubrificantes com o API GL4, porém cuidado, e atenção, pois:
    Sempre recomendamos atender a especificação do fabricante da máquina, equipamento ou do veículo,
    Quando o fabricante recomenda a utilização do óleo 90 com o API GL4 esse é que deve ser usado,
    pois caso usar um óleo 90 com o API GL-5 na transmissão em vez do GL-4, isso irá gerar
    problemas de engate e de arranhamento durante as trocas das marchas, isso compromete
    a vida útil da caixa de mudanças. Isso ocorre porque o maior teor de aditivos dos óleos com o API GL-5
    quando comparados aos óleos com API GL-4, faz com que interfira negativamente no funcionamento
    do mecanismo de sincronização das marchas.

    Entre em nosso site
    e veja que a Petrol conseguiu a homologação mundial na ZF.

    Qualquer dúvida estaremos á disposição,

    André M. Neto
    Rep. coml. Petrol Lubrificantes

  51. Por JOAO ALFREDO Em Fev 27, 2013 | Responder

    coloquei hoje um 10w40 num honda civic porque nao achei o 10w30 do carro na minha cidade, será que tem muito problema? a ultima revisao trocarao o filtro e desta vez nao troquei e nem filtro tem nesta porra de cidade que eu moro..rs.
    aguardo

  52. Por claudio Em Abr 8, 2013 | Responder

    OLA VCS SABEM ME DIZER QUAL E OLEO DE CAIXA DE MARCH DO VW JETTA 2.5 2007 E QUANTOS LITROS SAO USADOS MUITO GRATO

  53. Por joao paulo Em Jun 10, 2013 | Responder

    ola
    gostaria de saber qual oleo de motor uso no meu santana 2003 2.0 com 60.000 ??? to usando o 15w40 semisintetico da lubrax, seria o idel?????

  54. Por weder araujo silva Em Jul 23, 2013 | Responder

    ola tenho um polo classic 1.8 mi 98/99 quero saber se pode utilizar o óleo semi sintético nele? por favor estarei no aguardo obrigado.

  55. Por Francisco Costa Em Jul 25, 2013 | Responder

    Olá, veja só, eu tambem já passei por essas consequencias, mais o FILTRO UNO FIRE, Já foi constatado e aprovado por todos, pode colocar que ele funciona normalmente, quanto ao oleo, se seu carro já passou dos 80mil, tem que ser mesmo o 10W30 mineral, ok.

  56. Por gildson Em Set 4, 2013 | Responder

    sim você pode continua usando o 15w 40 no seu Santana e sim o lubrificante ideal quando ele passa dos 100 mil quilômetros rodados ,que terá mais folgas internas no motor vc pode esta usando um 20w 50 ou ate mesmo um 25w 50

  57. Por Carlos Em Out 2, 2013 | Responder

    fiz motor completo(gol,at,1.0 8v 2001)apliquei shell helix 20w50,porem, mesmo os tuchos sendo novos,bateram. Acrecentei bardhal b12 e os tuchos batem de manha até carregarem, depois de algum tempo, quando ando com o veiculo um ou dois deles voltam a bater. Indicaram-me usar o shell helix 5w40.

Poste um comentario