Pesquisadores do Instituto Butantan desenvolvem remédio para doença

2,621

Pesquisadores do Instituto Butantan, em São Paulo, estão desenvolvendo um
remédio à base do veneno da jararaca que pode combater o problema da pressão
alta na gravidez.

Conhecida como pré-eclâmpsia, a doença atinge cerca de 320 mil mulheres por
ano (10% do total de gestantes) e pode ser fatal.

A equipe do Centro de Pesquisa, Inovação e Difusão em Toxinologia
(CAT/CEPID), que está há seis meses trabalhando no remédio, extraiu um
componente do veneno que ajuda a serpente a controlar a sua presa, fazendo com
que a sua pressão arterial despenque.





Artigos Aleatorios

Poste um comentario