Líder yanomami critica plano de compra da Amazônia

2,009

Davi Kopenawa, porta-voz da Comunidade dos Yanomami do Brasil, criticou
em Londres uma campanha que está em voga na Grã-Bretanha sobre a compra
da Amazônia para evitar sua destruição. Ele afirmou que a única coisa
que pode salvar a floresta é a proteção das comunidades e terras
indígenas.


O que o Líder Yanomami falou sobre a amazônia

“A floresta está acabando, os rios estão doentes, a terra está cansada
e os yanomamis estão morrendo”, afirmou Kopenawa, em uma coletiva de
imprensa.

Ele se referia à campanha lançada pela organização Cool Earth,
fundada por um milionário britânico, Johan Eliasch –que foi nomeado
pelo primeiro-ministro Gordon Brown como um de seus assessores
especiais sobre desmatamento. Eliasch promove a idéia de comprar
pedaços da Amazônia para protegê-la.

Se tiver dúvidas deixe um comentário! Veja Também...

Poste um comentario