Windows Vista -> O que voce precisa saber…

4,622

O Microsoft Windows Vista (oficialmente, Microsoft Windows 6.0) é uma versão do sistema Windows, da Microsoft. Antes do anúncio do nome Vista, em 22 de Julho de 2005, era conhecido pelo nome provisório de Longhorn. Desde 8 de Novembro de 2006 o seu desenvolvimento estava completo, e foi lançado inicialmente junto de fabricantes de computadores em 30 de Novembro de 2006, e para usuários finais (simultaneamente e em todo o mundo) no dia 30 de Janeiro de 2007. Essas datas de lançamento ocorreram mais de cinco anos após o lançamento do Windows XP, a versão anterior do sistema operacional desktop da Microsoft, fazendo deste período o mais longo entre lançamentos consecutivos de versões do Windows.

De acordo com a Microsoft, o Windows Vista tem centenas de novas funções, como uma nova interface gráfica do usuário, funções de busca aprimoradas, novas ferramentas de criação multimídia como o Windows DVD Maker, e completamente renovadas aplicações para redes de comunicação, áudio, impressão e subsistema de exibição.




O Windows Vista também tem como alvo aumentar o nível de comunicação entre máquinas em uma rede doméstica usando a tecnologia peer-to-peer, facilitando o compartilhamento de arquivos e mídia digital entre computadores e dispositivos. Para os desenvolvedores, o Vista introduz a versão 3.0 do Microsoft.NET Framework, o qual tem como alvo tornar significantemente mais fácil para desenvolvedores escrever aplicativos de alta qualidade do que com a tradicional Windows API.

Uma das mais comuns críticas ao Windows XP e aos seus predecessores são as suas geralmente exploradas vulnerabilidades de segurança e a total susceptibilidade a malware, vírus e buffer overflows. Em consideração a isso, o então presidente da Microsoft, Bill Gates, anunciou no começo de 2002 uma Iniciativa de Computação Confiável de grande escala na empresa a qual tinha como objectivo desenvolver a segurança nos softwares desenvolvidos pela empresa.

Principais mudanças

O Vista trouxe com ele suporte a novas tecnologias e também novas ferramentas visuais e de programação. As principais novidades em relação às versões anteriores do Windows são:::

Windows Aero Glass A tecnologia Windows Aero é utilizada para gerar efeitos visuais, como sombras e esmaecimentos, no ambiente de trabalho do Windows Vista, similar a alguns efeitos gerados pelos softwares Compiz e Beryl para X.Org (GNU/Linux, BSD e outros Unix), e também do ambiente Aqua para Mac OS X. Segundo a empresa, “O Aero possui efeitos visuais espectaculares, como os elementos de interface transparentes.” Existem requisitos necessários para uma boa performance do visual Aero:

  • 128 MB de Memória gráfica compatível com DirectX 9 para resoluções até 1280 x 1024;
  • 256 MB ou mais de Memória Gráfica compatível com DirectX 9 para resoluções superiores a 1280 x 1024;

.NET 3.0 (ex-WinFX) O .NET 3.0 é o nome dado para o conjunto de tecnologias de programação desenvolvidas para o Windows Vista, uma nova versão do modelo .NET. Windows Presentation Foundation (ex-Avalon) É uma tecnologia que visa unificar a maneira como os documentos, imagens e gráficos são tratados pelas aplicações. Ela incorpora recursos como 3D, reconhecimento de voz, e animações com aceleração por hardware. Juntamente com esta tecnologia, a Microsoft introduzirá uma linguagem de programação para interfaces gráficas baseada em XML, nomeada XAML. Windows Communication Foundation (ex-Indigo) O WCF é o sistema de serviços na web e comunicações que poderá ser utilizado tanto por usuários comuns como por programadores. Windows (Barra lateral) Contém atalhos e utilidades, como relógio, leitor de RSS, visualizador de imagens, entre outros itens. SidebarInternet Explorer 7.0

A nova versão do famoso browser da Microsoft, com inúmeras funcionalidades como suporte a abas (várias páginas na mesma instância do browser, algo já existente há muito tempo em outros navegadores para Web, como o Opera, o Firefox e o Netscape); visualização simultânea de páginas através de miniaturas e segurança aprimorada. Windows Media Player 11 Nova versão do tocador de média, que trará suporte nativo a vídeos de alta definição, melhora na busca de músicas na Biblioteca de Média, entre outras inovações. Já foi lançada a versão final deste produto. É o sucessor do Windows Media Player 10. Windows SideShow Interface entre o PC e um dispositivo, através do qual se poderá fazer um acesso remoto a conteúdos armazenados no computador.

User Mode Driver

Instalação e utilização de drivers em modo de usuário, especialmente dedicado a periféricos de memória USB. WDDM (Windows Display Drivers Model) Modelo de drivers gráficos para suportar as mudanças na interface do Vista, bem como o efeito Aero Glass. Baseia-se em processamento paralelo na GPU. HDPhoto Windows media photo Novo sistema de foto para substituir o formato JPEG, com melhor qualidade de imagem e compresão. Atualizações O Windows Vista tem um aplicativo chamado “Anytime Upgrade”, que permite converter edições Home do Windows na Ultimate pagando uma taxa de actualização via Internet; uma página com comparativos é exibida.

Novas Caixas Oficiais

As caixas do Windows Vista serão separadas pelas cores:

  • Verde claro para o Windows Vista Home Basic
  • Verde escuro para W. Vista Home Premium
  • Azul para W. Vista Business (que substitui a versão Profissional do XP)
  • Preto para o Ultimate (que incluirá todos os recursos, domésticos e corporativos, alem de ser o top de linha do sistema operacional Vista).

Ícones do Aero Glass

O Windows Vista tem novos ícones com diversos efeitos visuais, entre eles o visual Glass característico desta versão do sistema operacional. Bloqueio de cópias não autorizadas Segundo a Microsoft, esta versão do Windows vem com uma tecnologia de bloqueio que evita o funcionamento de cópias não autorizadas. Esta tecnologia limita o uso da plataforma restringindo suas funcionalidades, caso o usuário não active o sistema em um prazo de 30 dias, mas já existem cracks disponíveis na Internet que conseguem quebrá-lo. Existia no Windows XP um sistema parecido, denominado WPA (Windows Product Activation, em português: Ativação do Produto Windows), que avisa quando o usuário estava usando uma cópia não autorizada do sistema, mas que também já foi inteiramente quebrado por crackers.

Plágio

Muitos usuários do Mac OS X (Apple) acusaram Bill Gates de copiá-lo. Na realidade, notam-se muitas semelhanças entre o Vista e o Mac OS X, tais como a SideBar e o Dashboard, assim como o “aspecto bonito da interface” característico da Apple. Já não é novidade que certas inovações no Windows já existiam em outros sistemas operacionais como o “Controle Parental” que já existe na Apple há vários anos,(embora a Apple tenha se influenciado fortemente por tecnologias mostradas 2 anos atrás no PDC 2003). Um dos aspectos mais criticados foi o Windows Movie Maker.

O Mac OS X tem o pacote iLife (edição de imagem, som e video), enquanto para o Windows existiam certos programas equivalentes, embora tenham de ser comprados à parte. Neste novo Windows, o Movie Maker é uma possível cópia do Mac OS X. Os recursos de animação 3D já existem há algum tempo em distribuições do GNU/Linux, como o OpenSUSE e o Ubuntu. Nenhuma das duas partes quis se pronunciar em relação ao suposto plágio, de modo que esta guerra de cópia Vista/Mac OS X mantém-se acesa entre usuários.

Críticas

Altos Requisitos Mínimos Os requisitos mínimos do Vista são vistos como “pesados”, mesmo para os padrões actuais. Para usufruir das vantagens do Vista, é necessário, para a maior parte dos usuários, um grande upgrade em seu computador. Não há indícios de que haverá uma versão (ou uma opção) para computadores de menor capacidade de processamento. Outro ponto a se ressaltar, é que essa alta exigência por parte do mesmo pelos recursos de onde será instalado já está gerando grande preocupação e expectativa entre as empresas de jogos eletrônicos. Muitas destas desenvolvedoras já elevaram seus patamares de requisitos mínimos de sistema para algo até muito acima daquilo que seus produtos realmente exigem; apenas no intuito de garantirem que estes jogos rodem no Vista, mesmo ainda não tendo condições de testá-los em muitos casos.

Gestão de direitos digitais

Outra crítica comum se refere a integração de novas formas de Gestão de direitos digitais ao sistema operacional, especialmente a introdução do recurso “Caminho de Vídeo Protegido” (do inglês Protected Video Path). Esta arquitetura foi projetada para garantir a encriptação de “Conteúdos Premium” de HD DVD ou Discos Blu-ray. Dispositivos como Placas de vídeo devem ser aprovadas pela Microsoft e dependendo do que o dispositivo requer, o sistema pode artificialmente diminuir a qualidade do conteúdo exibido ou simplesmente não mostrá-lo. Também há um dispositivo que permite à Microsoft desabilitar dispositivos de usuários finais via internet.

Plataforma de Proteção ao Software

O Vista inclui um sistema de proteção contra a pirataria aprimorado, baseado no WGA do Windows XP, chamado Plataforma de Proteção ao Software (do inglês Software Protection Platform - SPP). Um de seus componentes principais é uma novo modo de funcionalidade reduzida, no qual o Vista entra quando detecta “falha de ativação de software” ou “cópia não genuína”, que é descrita pela Microsoft como: “o navegador padrão será iniciado e o usuário terá a opção de comprar uma chave do produto. Não há menu iniciar, nenhum ícone no desktop e o papel de parede é modificado para preto. (…) Depois de uma hora, o sistema fará logoff do usuário sem aviso.”

Requisitos de Hardware

De acordo com a Microsoft, computadores que podem executar Windows Vista eram classificados com Vista Capable e Vista Premium Ready. Um Vista Capable ou PC equivalente precisa ter no mínimo um processador de 800 MHz, 512 MB de RAM e uma placa gráfica de classe DirectX 9, e não será capaz de suportar os gráficos “high end” do Vista, incluindo a interface do usuário Aero. Um computador Vista Premium Ready terá vantagem da função “high end” do Vista mas precisará no mínimo um processador de 1 GHz, 1 GB de memória RAM, e uma placa gráfica Aero-compatível com no mínimo 128 de memória gráfica e suportando o novo Windows Display Driver Model. A companhia também oferece uma beta do Windows Vista Upgrade Advisor através do seu site Web para determinar a capacidade de um PC para executar o Vista em seus vários modos. O utilitário é somente executável no Windows XP. Mas percebe-se que a maioria dos PC’s actuais atendem as necessidades do novo Windows. Atualmente, chama-se Designed For
Windows Vista (Versão)

Fonte: Wikipedia

Se tiver dúvidas deixe um comentário! Veja Também...

Poste um comentario