Mania de adolescente -> trocar o dia pela noite

9,830

Jovens que trocam o dia pela noite podem ter problemas de saúde no futuro, segundo a Organização Mundial da Saúde. Pesquisadores alertam que a noite bem dormida e no escuro é importante para evitar doenças.

Como todo adolescente, Thales Cortês adora uma noitada na frente do computador. Durante as férias, o garoto de 17 anos não sai da Internet e troca a noite pelo dia. “A janela fica aberta, então eu sempre vejo os raios de sol surgindo”, diz.

O computador não tira só o sono dele; tira o da mãe também. “Há situações negativas e há situações positivas, mas acho que é na conversa que a gente estabelece os limites”.”, acredita a jornalista Bethânia Côrtes.




O que os jovens mais gostam de fazer na Internet é conversar com os amigos – uma mania que tem começado cada vez mais cedo.

Durante as férias, toda noite, a casa da professora Cristiane de Melo vira um ponto de encontro de meninas de meninas de 13 anos que saem em grupo para uma balada virtual. Às 9h da manhã, a filha dela e as amigas ainda estão dormindo; acordadas pela nossa equipe, a cara amarrotada denuncia que o expediente lá só começa na hora do almoço.

De madrugada, as três meninas, acesas, brincam no mesmo computador; ficam horas no bate papo virtual. “Todos os nossos amigos também ficam, então a gente fica conversando. Até umas 4h ou 5h”, conta uma delas.

Cristiane não tem grandes preocupações. “Como é um hábito, vamos dizer assim, universal, eu já aceito melhor”, diz a mãe.

Mas os especialistas lembram que a noite foi feita mesmo para dormir. “E a relação dessa criança com a família? E o hora do almoço? Esse horário precisa sim ser limitado”, diz a psicóloga Deise Carvalho.

Artigos Aleatorios

Poste um comentario