Financiamento da Casa Propria Pela Caixa Economica Federal - Programa Minha Casa Minha Vida

114,047

A Caixa Econômica Federal disponibiliza, a partir desta segunda-feira (13), aos estados e municípios, o termo de adesão ao Programa Minha Casa, Minha Vida. O banco também fornece o modelo de instrução de doação de terreno às prefeituras. As construtoras e os movimentos sociais interessados em participar, já podem apresentar as propostas nas 78 superintendências regionais da CAIXA. Os interessados podem fazer a simulação no site do banco

O cadastramento para pessoas físicas com renda mensal de 0 a 3 salários mínimos será realizado pelos estados e municípios e as datas e os locais serão amplamente divulgados regionalmente. A CAIXA alerta que as inscrições são gratuitas. Para os que ganham de 3 a 10 salários mínimos, já é possível fazer a simulação em link especial no site do banco, no endereço www.caixa.gov.br. No portal há, ainda, cartilhas com todas as informações do programa.

O “Minha Casa, Minha Vida”, tem por meta a construção de 1 milhão de casas. Serão priorizadas as cidades com mais de 100 mil habitantes e, eventualmente, com mais de 50 mil habitantes. O valor do imóvel variará de acordo com o porte do município. Para as famílias de 3 a 10 salários mínimos, os limites máximos de valores de imóveis variam de R$ 80 mil a R$ 130 mil. Já para os que ganham de 0 a 3, os valores serão definidos pelo Ministério das Cidades.

Serão, ao todo, 400 mil moradias para a faixa salarial de 0 a 3 salários mínimos, 400 mil de 3 a 6 salários mínimos e 200 mil unidades para a última faixa (de 6 a 10). A previsão do governo é reduzir o déficit habitacional em 14%, que hoje está em 7,2 milhões de unidades.




O investimento total estimado para o programa é da ordem de R$ 60 bilhões, sendo R$ 34 bilhões em subsídios. A estimativa é que esses recursos gerem cerca de 800 mil novos empregos em 2009, 1,6 milhão de novos postos de trabalho em 2010 e 1,1 milhão em 2011. “Esses novos empregos representam novas famílias em condições de adquirir suas moradias e esse processo se retroalimenta, ou seja, gera novos empregos e novas demandas”, analisa a presidente da CAIXA, Maria Fernanda Ramos Coelho.

A CAIXA destaca que o programa será operado simultaneamente com as demais modalidades de financiamento geridas pela instituição, o que deve ampliar o volume de recursos ofertados. Cálculos do banco projetam um acréscimo em torno de R$ 15 bilhões.

Para este ano, a meta inicial da CAIXA era aplicar R$ 27 bilhões em financiamento habitacional. Até o dia 31/03, o banco já havia emprestado R$ 7 bilhões, o suficiente para beneficiar mais de 645 mil pessoas em todo o país. O valor é 119% superior ao mesmo período do ano passado.

COMO PARTICIPAR

Para o público de 0 a 3 salários mínimos, a inscrição e seleção das famílias serão feitas pelos estados e municípios. Poderão participar pessoas não beneficiadas anteriormente em programa habitacional social do governo e que não possuem casa própria ou financiamento ativo em todo o território nacional. Após a seleção, o candidato apresentará documentação pessoal no agente financeiro e a assinatura do contrato ocorrerá na entrega do empreendimento.

No caso de famílias com renda superior a 03 salários mínimos não ocorrerá alteração em relação às condições atuais. Os proponentes devem procurar diretamente as construtoras. A CAIXA disponibiliza ainda espaço especial nas agências de todo o país para contratação e equipe treinada para prestar informações sobre o programa. O banco orienta aos interessados procurar lançamentos de imóveis novos diretamente nas construtoras.

O candidato não pode ser detentor de financiamento ativo nas condições do Sistema Financeiro da Habitação (SFH). O interessado também não pode ser proprietário, cessionário ou promitente comprador ou titular de direito de aquisição de outro imóvel residencial urbano ou rural, situado no atual local de domicílio.

Em todos os casos, devem ser apresentados os documentos pessoais (carteira de identidade e CPF), comprovação de renda formal e informal. De 0 a 3 salários mínimos, não haverá análise de risco de crédito e capacidade de pagamento. Para os demais, a operação funciona com as mesmas regras de financiamentos em vigor.

SELEÇÃO DE PROJETOS

Para as famílias com renda de 0 a 3 salários mínimos, serão priorizados projetos de regiões que recebam impacto de grandes empreendimentos de infraestrutura, como usinas, hidrelétricas, porto e de áreas atingidas por catástrofes definidas pela defesa civil. Também terão preferência, empreendimentos de estados e municípios que ofereçam maior contrapartida e desoneração fiscal de ICMS, ITCD, ITBI e ISS, entre outros critérios.

As propostas deverão apresentar casas térreas ou prédios, de acordo com as especificações publicadas na cartilha. Os empreendimentos destinados às famílias com renda de 3 a 10 salários mínimos não obedecerão às especificações pré-estabelecidas e serão aqueles oferecidos normalmente pela indústria da construção civil.

TAXA DE JUROS

As taxas de juros variarão de acordo com as faixas de renda familiar, sendo de 5% ao ano + TR para as famílias com renda de 3 a 5 salários mínimos, de 6% ao ano + TR para famílias com rendimentos de 5 a 6 salários mínimos e de 8,16% ao ano + TR para a faixa de renda de 6 a 10. Para estas faixas, o prazo para pagamento é de até 30 anos e a quota de financiamento é de até 100%.

Para as famílias que recebem até 3 salários mínimos, o valor da parcela será de 10% da renda, respeitado o valor mínimo de R$ 50,00. O prazo de pagamento é de até dez anos e o beneficiado contará com subsídios quase integrais e isenção de seguro.

Outro incentivo para as famílias de baixa renda é a isenção de pagamento nas tarifas cartoriais. O benefício se estende para a faixa de renda de 3 a 6, com desconto 90% e de 80% para os mutuários com rendimentos de 6 a 10 salários mínimos.

A CAIXA vai trabalhar com o Sistema de Amortização Constante (SAC) para pagamento do financiamento.

SUBSÍDIO

Os investimentos totais do programa estão estimados em cerca de R$ 60 bilhões. Deste total, 34 bilhões serão subsidiados, sendo R$ 20,5 bilhões provenientes da União e R$ 7,5 bilhões do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS). Somente para as famílias com renda de até 3 salários, o aporte financeiro será de R$ 16 bilhões.

Para o grupo que está na faixa salarial entre 3 e 6 salários mínimos terá à disposição cerca de R$ 10 bilhões de subsídios, sendo R$ 2,5 bilhões recursos da União e R$ 7,5 bilhões do FGTS. As famílias com renda mensal de 3 a 10 salários mínimos, contarão com o benefício do Fundo Garantidor e também da isenção do pagamento dos prêmios de seguro.

FUNDO GARANTIDOR

Criado pela MP 459, o Fundo Garantidor terá patrimônio de R$ 2 bilhões, destinados à financiar o pagamento das prestações nos casos de desemprego temporário e perda de renda, respeitando o limite máximo de prestações. Cobre ainda os sinistros de morte, invalidez permanente e danos físicos dos imóveis. É exclusivo para as 600 mil unidades do programa destinadas a famílias com renda entre 3 e 10 salários mínimos.

Para ter acesso ao fundo, o mutuário deve ter pagado pelo menos seis prestações do contrato e comprovar que está desempregado ou que perdeu parte de sua renda. O valor das prestações quitadas com a utilização do Fundo Garantidor deverá ser pago ao final do prazo do contrato ou, a critério do mutuário, quando este tiver condições de efetuar os pagamentos.

A cobertura será a seguinte:

- 0 a 3 salários mínimos – O fundo não se aplica a esta faixa de mutuários, que pagará parcelas proporcionais a 10% do rendimento mensal. O valor de compra de imóveis será quase integralmente subsidiado pelo Governo Federal.
- 3 a 5 salários mínimos - até 36 prestações
- 5 a 8 salários mínimos - até 24 prestações
- A partir de 8 salários mínimos - até 12 prestações

RECURSOS CAIXA

Somente em 2009, a CAIXA espera investir no programa R$ 15 bilhões, sendo R$ 4 bilhões para a faixa de 0 a 3 salários mínios, R$ 5,7 bi para 3 a 6 salários mínimos, R$ 4 bi de 6 a 10 e R$ 1,2 bi para infraestrutura. Para 2010 a projeção é de R$ 30 bi e os outros R$ 15 bi em 2011.

Segundo dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), o déficit habitacional no país é de 7,2 milhões de moradias e se concentra na população de baixa renda (0 a 3 salários mínimos), com 90,9% de participação. Na faixa de 3 a 6 salários mínimos, o déficit chega a 6,7% e 2,4% na faixa de 6 a 10.

Na região Norte, o déficit chega 10,3%, no Nordeste, 34,3%, no Sudeste, 36,4%, no Sul, 12% e o menor índice é registrado no Centro-Oeste, com 7%.

NOVAS REGRAS

A CAIXA simplificou o processo para aprovação das propostas dos empreendimentos habitacionais. Destaque para a redução do período de análise, que passou de 120 dias para no máximo 45 dias, dependendo da modalidade e será realizada em paralelo com a tramitação na prefeitura.

A aprovação e a contratação de clientes apresentados pela incorporadora serão em até 15 dias. O banco também aceitará projetos analisados em outras regiões e protocolo de registro no cartório para efetivação da venda ao beneficiário (caso de incorporações) em substituição ao registro.

Também foi alterado o teto do valor dos imóveis financiados dentro do SFH, que passou de R$ 350 mil para R$ 500 mil. A regra já está em vigor desde o dia 1º de abril e deve aquecer a economia. “Para o mercado, a medida é duplamente importante. Primeiro porque permite a ampliação do número de operações com taxa de juros tabelada e também possibilita aos mutuários utilizar o saldo da conta do fundo tanto para complementar e pagamento do valor imóvel quanto da prestação mensal”, avalia o vice-presidente de Governo da CAIXA, Jorge Hereda.

O Construcard, que opera com recursos do FGTS, também está com novas regras. Entre as novidades, estão a dispensa da garantia de fiança/aval e a ampliação do prazo de amortização, que passou de 96 para 120 meses. A contratação do Construcard FGTS é simplificada e permite a inclusão de até 15% dos custos de mão-de-obra no valor financiado.

INFRAESTRUTURA

Para ampliar a possibilidade de oferta dos terrenos, a CAIXA criou uma linha de crédito específica para financiar infra-estrutura, como calçadas, esgotos e bocas de lobo, num investimento total de R$ 5 bilhões em três anos. Exclusiva para empresas da construção civil, o custo não será repassado ao mutuário final.

HABITAÇÕES SUSTENTÁVEIS

O programa Minha Casa, Minha Vida, também tem uma preocupação ambiental. A CAIXA irá exigir a utilização de madeira certificada ou proveniente de floresta com manejo controlado nos empreendimentos habitacionais, comprovados pelo do Documento de Origem Florestal (DOF). A determinação contribui para reduzir a ilegalidade na exploração madeireira e demonstra o compromisso da CAIXA no enfrentamento dos problemas ambientais.

Outra iniciativa do banco é implantar o sistema de aquecimento solar nos empreendimentos destinados às famílias com renda até 3 salários mínimos. A estimativa é de uma economia de 30% na conta de energia elétrica para o morador. A meta é instalar 50 mil unidades neste ano.

O projeto prevê ainda a coleta seletiva, captação e reaproveitamento de água de chuva.

CARTEIRA DIVERSIFICADA

A CAIXA atende, hoje, a todos os segmentos sociais e tem uma carteira imobiliária bastante diversificada. A distribuição da carteira de crédito imobiliário, da ordem de dois milhões de contratos é de 83% no FGTS, 15% no SBPE e 2% de outras fontes.

Em termos de faixa de renda com recursos do FGTS, por exemplo, 41% dos contratos estão dentro da faixa de até 3 salários mínimos, seguido de 35% na de 3 a 6 salários, 18% na de 6 a 10 e 6%, acima de 10 salários.

Com recursos do SBPE, o cenário se inverte. O público que ganha mais de 10 salários mínimos responde por 75% da carteira. De 6 a 10 salários mínimos, 18%, 3 a 6, 6% e até 3 salários, 1%.

Em termos de faixa etária, a distribuição ocorre da seguinte maneira: até 30 anos, 34%; de 31 a 45 anos, 45%; de 46 a 60 anos, 18% e acima de 60 anos, 3%.

SEGURO

O Programa Minha Casa, Minha Vida não prevê a cobrança de seguros habitacionais, independentemente da faixa de renda familiar. No caso de morte ou invalidez permanente do beneficiário, cessará sua obrigação de pagar as parcelas mensais.

Se tiver dúvidas deixe um comentário! Veja Também...

  1. 73 respostas to “Financiamento da Casa Propria Pela Caixa Economica Federal - Programa Minha Casa Minha Vida”

  2. Por Cristina Em Jun 1, 2011 | Responder

    tenho 30 anos e 3 filhos e moro na ks da minha mae preciso do meu espasso o projeto minha ks minha vd é a minha oportunidade

  3. Por liliane cristina Em Jun 12, 2011 | Responder

    eu tenho uma casa propria mas quero vender e comprar em outro lugar como eu faso eu queria que a caixa me ajudase

  4. Por vanessa Em Jul 12, 2011 | Responder

    gostaria de ta recebendo o contrato da minha casa minha vida se for possivel.

  5. Por joana silva Em Jul 19, 2011 | Responder

    Gostaria de saber se a caixa economica federal, financia casas de madeira e quais exigencias necessarias.
    Contando com sua resposta ja lhe agradeço.
    Att - joana

  6. Por VERA LUCIA GERALDO MOURA Em Ago 6, 2011 | Responder

    GOSTARIA DE SABER TEM O PROJEJO MINHA CASA MINHA VIDA, PARA TEM UMA RENDA DE R$1.900,00, QUERO ME INSCREVER, AGUARDO RESPOSTA.
    OBRIGADO
    VERA

  7. Por fabiano Em Ago 16, 2011 | Responder

    sou deficiente e gostaria de saber se tenho algum desconto no pograma do governo minha casa minha vida e o que tenho que fazer

  8. Por rosimeri teixeira rodrigues Em Ago 17, 2011 | Responder

    olá gostaria de saber se eu consigo troca a minha casa em outro luga no rio de janeiro ponto comercial, minha casa esta valiada em 80,00 mil a caixa pode me ajuda.

  9. Por cristina Em Set 15, 2011 | Responder

    porque tenho que depositar 1000 na conta corrente da caixa para dar inicio

  10. Por Mari Garcia Em Set 15, 2011 | Responder

    Boa noite, sou aposentada por invalidez, gostaria de saber se posso finaciar pela minha casa minha vida?

  11. Por reinaldo Em Out 13, 2011 | Responder

    sou aposentado por invalidez,gostaria de saber como posso financiar um imóvel pela caixa o mais rápido possível?pois moro de aluguel.

  12. Por fabiana Em Out 13, 2011 | Responder

    olá, gostaria de saber se após a entrevista com o gerente da caixa econômica federal e aceito todos os procedimentos do projeto pelo gerente, eu como proponente, posso escolher o pedreiro e comprar o material de construção onde eu quiser?

  13. Por elisangela Em Out 19, 2011 | Responder

    boa tarde gostaria de saber porque a caixa demora 50 dias pra aprova um financiamento de imovel.???

  14. Por Andréia Em Out 20, 2011 | Responder

    Gostaria de usar R$ 10.000,00 do meu FGTS para adiantar as prestações do financiamento da casa que obtive através do Minha Casa Minha Vida. Tenho dúvida se é melhor quitar as primeiras ou as últimas prestações. O que seria mais vantagem para mim? Já paguei 9 prestações, tenho um saldo devedor hj de R$ 31.016,75. O juros do mès está em R$ 129,79 e a amortização do mes está em R$ 133,90, com isso tenho uma parcela mensal hj em torno de R$ 263,69

  15. Por margarete Em Nov 17, 2011 | Responder

    eu ja dei entra em um financiamento,ainda não obtive nem uma resposta.um engenheiro ja teve na casa,tenho uma certa ungencia,como fazer para tem respostas mais rapidas.obrigada

  16. Por RAQUEL DO CARMO Em Dez 20, 2011 | Responder

    BOM DIA, GOSTARIA DE SABER CM FAÇO PARA ME ESCREVER NA MINHA CASA MINHA VIDA,MORO DE FAVOR COM MINHA FILHA DE 11 ANOS,SEMPRE ACHEI IMPOSSIVEL CONSEGUI ALGO POR CONTA PROPRIA, POIS GANHO R$560,OO , TENHO UMA POUPANÇA NA CAIXA ,TERIA QUE ABRIR UMA CONTA PRA PODER PARTICIPAR DESTA PROPOSTA?
    OBRIGADA..

  17. Por Roseli Pacheco de camargo Em Dez 28, 2011 | Responder

    Sou deficiente fisico sou autonomo,faço em casa produto para limpesa para sobreviver,e tenho uma filha de 6 anos,minha renda e de mais ou menos 300,00 a 450,00,mansal tenho 43 anos completo.
    Como faço para adiquirir,casa do novo plano do governo?

  18. Por Luiz Em Dez 28, 2011 | Responder

    Para Margarete: Não tem como ter urgência. É tudo no tempo da Caixa!

    Para Raquel: Provavelmente terá inscrições para o programa minha casa minha vida, ou cohab ou outro programa subsidiado pelo governo ai na sua cidade. Procure saber na prefeitura!

    Para Roseli: mesma resposta da Raquel acima!

  19. Por LUIZ FERNANDO NEVES Em Dez 31, 2011 | Responder

    Minha esposa é autonoma cabelereira, ela entrou com a documentação exigida pela imobiliária que representa, digamos assim a caixa, muitos documentos e uma taxa de R$3.000,00 mais vários decores. Passados um ano e meio ela foi chamada na imobiliária, onde foi informada que teria que dar R$ 36,200,00 para efetivar a compra , e que eu como marido e funcionário público ela não poderia comprar; mas a imobiliária recebeu meus documentos, sabe que sou servidor público mais os documentos apresentados, agora alegam que não tiver este valor perderemos e agora? Agradeço a atenção e aguardamos a resposta!

  20. Por LUIZ FERNANDO NEVES Em Dez 31, 2011 | Responder

    Moramos em uma cidade do interior da Bahia - Itaberaba a imobiliária nos deu certeza que tudo iria dar certo, que não tinha problema e depois de quase dois anos ocorreu a promessa de compra e depois de tantos documentos, dizem que não somos baixa renda, mas porque a imobiliaria não nos orientou agora simplemente perdemos

    Obs este foi um complemento do primeiro comentário!

  21. Por vanusa pereira da silva Em Jan 2, 2012 | Responder

    sou vanusa tenho 33 anos sou deficiente recebo uma ajuda do gorveno 545 o salario minimo tenho uma filha de 8 mese e gostaria de sabercomo faço para entra no programa do gorverno, n trabalho . e so vivo com esta renda.

  22. Por Rosineide Em Jan 2, 2012 | Responder

    o meu marido fez uma escrição no programa minha casa minha vida, enclusive,teve varias entregas delas gostaria de saber,onde posso ver se o nome dele foi aprovado,tem como vc verificar para mim,o nome dele é Adilson pereira putencio,por favor me ajude,gostaria ter pelo menos uma esperança,que um possa sair.moramos em goiania goias.obrigado.

  23. Por Silvanio Em Jan 4, 2012 | Responder

    Meu nome é silvanio, tenho 35 anos sou deficiente a 16 anos, tenho uma renda de 1 salário minimo, sou casado e tenho um filho, gostaria de saber como faço para me inscrever neste programa minha casa minha vida do governo.

  24. Por Luiz Em Jan 6, 2012 | Responder

    Para Luiz Fernando: tente um acordo com a imobiliária para o ressarcimento.

    Para Vanusa: A prefeitura costuma fazer cadastros de pessoas de baixa renda para o programa minha casa minha vida. Procure mais informações na prefeitura da sua cidade.

    Para Rosineide: você pode procurar isso na prefeitura da sua cidade ou então em uma agência da caixa.

    Para Silvanio: geralmente as prefeituras fazem inscrições para o programa minha casa minha vida.

  25. Por reginalda emidio da silva Em Jan 13, 2012 | Responder

    eu so quero minha casa

  26. Por neusa de betio Em Jan 14, 2012 | Responder

    minha filha ganha 750 real no olerite eu ganho 600 como autonoma se eu pagar inss posso financiar minha casa pela caixa e quantos pagamento tenho q fazer ….

  27. Por andre Em Jan 15, 2012 | Responder

    Olá, sou deficiente fisico, gostaria imensamente de saber como faço para me cadastrar neste programa de habitação da Caixa, pelo que eu li, me encaixo perfeitamente. Sou deficiente e moro de aluguel a 10 anos. O amigo Silvanio disse que é na prefeitura, mas na Caixa já não deveria existir um cadastro ou informações do programa? Por favor, quem puder me enviar qualquer ajuda fico eternamente grato.

  28. Por orivaldo Em Jan 17, 2012 | Responder

    sou aposentado por invalides e gostaria de financiar uma casa para minha familhia meu mone esta no spc (cerasa) minha renda e de 3200 e possivel

  29. Por diana Em Jan 19, 2012 | Responder

    eu quero saber como eu compro uma casa pelo programa minha casa minha vida,
    aguardo noticias.

  30. Por helio santana Em Jan 19, 2012 | Responder

    gostaria de adiquiri minha casa propria pois pago a 8 anos aluguel gostaria de pagar algo que eu saiba que um dia sera meu brigado

  31. Por marli santos Em Fev 13, 2012 | Responder

    boa tarde sou pencionista do estado e gostaria de saber como conseguir uma casa pelo programa minha casa minha vida aguardo resposta

  32. Por maaria Em Fev 19, 2012 | Responder

    entra na pagina da minha casa minha vida e se escreve menina . a esperando oq?

  33. Por maaria Em Fev 19, 2012 | Responder

    entre na pagina da prefeitura da sua cidade la tem um link ai é so vc preencher, ou vai deretamente na prefeitura de sua cidade.
    olha por vc ser deficiente é aprovado na hora eles vao na sua casa fazer a visitae ponto vai la nao perca tempo. eu fiz tbm meu filho e deficiente por isso temos prioridade. boa sorte

  34. Por maaria Em Fev 19, 2012 | Responder

    esta esperando oq rapaz vai la e se escreve é facio eu fiz ja vou receber a minha vai na prefeitura de sua cidade ou se escreve pelo site

  35. Por maaria Em Fev 19, 2012 | Responder

    se escreve no programa minha casa minha vida. é muito facilnome no spc nao conta so se for na caixa.

  36. Por maaria Em Fev 19, 2012 | Responder

    porq vc nao se escreve na minha casa minha vida.é facil

  37. Por maaria Em Fev 19, 2012 | Responder

    se escreve rapaz na minha casa minha vida , vai na prefeitura de sua cidade ou pela net bjss e boa sorte

  38. Por cicero jose tenorio Em Fev 27, 2012 | Responder

    meu nome cicero jose tenorio minha remuneraçao e de 2000 reias o que faço para adiquirir acompra ca casa propia esse salario e o bruto o real e 1000 reais

  39. Por cicero jose tenorio Em Fev 27, 2012 | Responder

    pago um aluguel de 290reais fora agua eluz essa dispeza podia ser nas prestaçoes da compra da casa propiapela caixa

  40. Por cicero jose tenorio Em Fev 27, 2012 | Responder

    queria uma casa com dois quartos sala cozinha wc terraço quintal sair do aluguel

  41. Por cicero jose tenorio Em Fev 27, 2012 | Responder

    queria morar em camaragibe no apartamento com dois quatos proximo a tudo

  42. Por cicero jose tenorio Em Fev 27, 2012 | Responder

    sou militar reformado da marinha meu sonho e sair do aluguelseria otimo para mim ter um lugar que posso dizer que um dia sera meu

  43. Por cicero jose tenorio Em Fev 27, 2012 | Responder

    gostaria se for aprovado meu plano quais documentos necessario para acaixa economica

  44. Por cicero jose tenorio Em Fev 28, 2012 | Responder

    ja me escrevi aguardo resutado

  45. Por Gislaine Em Mar 4, 2012 | Responder

    Olá, gostaria de saber se para fazer o financiamento o holerite é computado com todos os valores como hora extra, premio de produtividade entre outros, ou se é somente o valor bruto fixo?

  46. Por warley Em Abr 19, 2012 | Responder

    so um funcionario empresa particular gannhor 1.800 reais por mes epretendo realizar meus sonhos aminha casa propia e vou realizar ser Deus quizer amem amae!!!!

  47. Por marina Em Abr 20, 2012 | Responder

    moro em bragança paulista e gostaria de saber qual o valor que a caixa economica federal libera para o plano minha casa minha vida,pois eu ouvi pela tv que o valor do plano tinha aumentado.bragança paulista subiu,irar subir?

  48. Por Dulcelina A. Pedrolli Em Abr 27, 2012 | Responder

    Sou aposentada por invalidez permanente, moro de favor em casa de parentes, qual benefício que tenho em financiar minha casa, minha renda mensal é de R$2.000,00.? Gostaria de ser informada sobre as taxas de juros e todos os benefícios a que tenho direito,
    aguardo resposta,
    obrigada

  49. Por Marcio Em Abr 29, 2012 | Responder

    Ola já assinei o contrato da casa, mas não começaram a construção e parece que mudaram-se as regras de metragem no contrato esta de 58m² e agora vai ser de 50m². Como já assinei o contrato pode ser mudado? Obrigada

  50. Por rafaela muniz barbosa Em Abr 29, 2012 | Responder

    moro com a minha sogra e gostaria de saber como conseguir o credito pel caixa

  51. Por alessandra Em Mai 9, 2012 | Responder

    olá!QUERO COMPRAR UM IMOVEL NOVO PELA CAIXA QUERO SABER SE ALEM DO SUBSIDIO TENHO DESCONTO POR TER UMA CRIANÇA COM PARALISIA CELEBRAL!!!!!AGRADEÇO UMA RESPOSTA!

  52. Por POR FATIMA Em Mai 10, 2012 | Responder

    OLÁ GOSTARIA DE SABER Se posso financiar a casa própria tenho,uma filha e pago aluguel.responder

  53. Por Jorge Franzbell Em Mai 14, 2012 | Responder

    Sou professor do município do Rio de Janeiro e não entendi a simulação da caixa, referente ao financiamento da casa própria. Tenho 48 anos e a minha renda bruta é de R$1.635,00. Não tenho FGTS, pois sou estatutário.

    Veja o resultado:

    Valor do Imóvel: R$ 150.000,00

    Prazo Máximo: 300 meses

    Sistema de Amortização SAC

    Cota máxima financiamento 90%

    Valor da Entrada R$ 90.243,45

    Prazo desejável 300 meses

    Valor do financiamento: R$ 59.756,55

    Valor subsídio complemento R$ 0,00

    Eu entendi certo, ou foi uma piada de mau gosto?

    Se eu quiser comprar um imóvel por R$150.000,00 terei que pagar uma quantia irrisória de R$ 90.243,45 como entrada do financiamento e receberei o valor de
    R$ 59.756,55 financiado em 300 meses de R$490,16. Ora, o professor que conseguiu juntar R$90.243,45, não vai comprometer o seu salário pro resto da vida por causa de uma quantia de R$59.756,55, que representa aproximadamente um terço do valor do imóvel. E, diga-se de passagem, atualmente, com a preparação do Rio de janeiro para os eventos: Copa do Mundo e Olimpíadas, 150.000 é capaz de não se comprar nem um barraco nas favelas da zona sul. Que fique bem claro: não sou contra o financiamento de um terço do valor do imóvel, desde que seja divulgado como uma pequena ajuda de custo para quem quer completar o dinheiro guardado para a aquisição de um imóvel. Sugiro para o governo federal o seguinte “slogan”: O Pouquinho que Faltava Para Morar no que é Meu! Ficaria muito mais decente e verdadeiro! Enfim, “Minha Casa Minha Vida, programa do governo federal, que tem transformado o sonho da casa própria em realidade para muitas famílias brasileiras”, é uma piada de mau gosto ou uma brincadeira com os desfavorecidos que sonham com a casa própria?

    Se escrevi bobagem, me corrijam, por favor, ou me façam entender o que preciso fazer para adquirir “Minha Casa, Minha Vida”.

  54. Por alzenildes dias brito Em Mai 15, 2012 | Responder

    ola gostaria de saber quando vai ser entregue essas casas para deficiente pois ja fiz o cadastro e ate agora ñ tive nenhuma resposta aguado uma resposta desde ja agradeço

  55. Por Sandra Em Mai 23, 2012 | Responder

    Gostaria de saber se tem com eu ter acesso a seguinte informação: a data de entrada da documentação na caixa economica, será que eu posso acompanhar a situação do processo?
    obrigada

  56. Por Donizeti Sobrinho Em Jun 8, 2012 | Responder

    Sou funcionario publico estadual e deficiente fisico, queria saber se tenho alguama vantagem para adquirir casa propria.

  57. Por irene Em Jun 12, 2012 | Responder

    Tenho 60 anos completos, sou aposentada e ainda trabalho registrada. Minha renda total é R$ 5.400,00. Tenho poupança na CEF junto c/ outra pessoa, mas pretendo abrir uma poupança só p/ mim e transferir minhas contas salário p/CEF. Quero saber se posso e até que valor eu posso adquirir um imóvel novo ou usado sendo que meus filhos são casados.Tenho um terreno na cidade de Mauá no nome da minha filha, que posso dar como entrada no valor de R$ 200.000,00.

  58. Por franciane popenga Em Jun 17, 2012 | Responder

    e´direito do cidadao brasileiro de ter sua casa propria ,direito constitucional.e ai presidenta cade a minha? sera que vou morrer esperando. chega de esperar.que pais e esse?

  59. Por nissota Em Jul 20, 2012 | Responder

    É uma piada. Mas se alguem sabe calcular, calcule, qto gastaria para construir sua casa propria, comprando o material mais barato. A SOLUÇÃO e pedir emprestado do CACHOEIRA, QUE DESVIOU JUNTO COM OS POLITRICOS DE BRASILIA, mais de 7bilhoes.
    VOTEM NA DILMA, NO LULA, NO PT.

  60. Por Denivaldo Em Set 12, 2012 | Responder

    Ouvi comentários de que o programa minha casa minha vida oferece descontos nas contas de agua e energia isso é verdade? Como conseguir este beneficio e quais os critérios?

  61. Por VANDERLEY AVELAR Em Out 7, 2012 | Responder

    Bom dia a todos leitores,sou corretor e consultor imóbiliario,atuante na cidade de Inhapim-MG,São João do Oriente-MG,e todo vale do Aço,os leitores deve antes de realizar suas perguntas por favor colocar as cidades e estados onde solicita a informação,porque cada cidade e estado pode variar o subsidio do governo federal,melhor informar o valor do imóvel,porque o nível salarial tem que ser compartível com o valor do imóvel,muitas das vezes a renda familiar não chega para o total do financiamento neste caso a pessoa devera da uma entrada para ajustar o valor do imóvel que o cliente deseja adquirir,podendo usar o FGTS se a mesma tiver.

    Att.VANDERLEY AVELAR.CRECI -MG 23622

  62. Por Alessandra MS da Silva Em Nov 12, 2012 | Responder

    Gostaria de saber como participar do programa minha casa minha vida aqui em Justinópolis (Rbeirão das neves).

  63. Por Edson Jose da Costa Em Mar 20, 2013 | Responder

    sou aposentado, tenho 44 anos, tenho chance de inscrever no plano minha casa minha vida. minha renda é de R$3.600.

  64. Por mercia carneiro da silva Em Mar 22, 2013 | Responder

    oi tenho trinta anos e tres filhos moro de favor na casa de um amigo,estou sem trabalhar e gostaria muito de ser abencoada e ter minha propria casa por favor me deem uma resposta

  65. Por joao Em Mai 12, 2013 | Responder

    eu não tenho nada só trabalho como que eu faço para comprar uma casa propia… me fala pelo amor de deus….

  66. Por ana paula Em Mai 20, 2013 | Responder

    eu comprei uma casa gostaria de saber se algo acontecer na estrutura da minha casa quem arca com as despesas? obrigada

  67. Por cleo Em Ago 14, 2013 | Responder

    queria saber se quem fez o construcard pode participar dos sorteio d minha casa minha vida

  68. Por aline moreira candido Em Ago 17, 2013 | Responder

    quero saber como eu faço para financiar uma casa na minha casa minha vida

  69. Por lucimar Em Dez 24, 2013 | Responder

    Olá Bom dia eu gostaria de saber se a caixa aceita um lote meu de entrada ele esta valendo mais de 80 mil e eu e minha filha queremos uma casa grande pq tem muita gente eu sou aposentada por invalidez minha filha trabalha so não tenho uma casa e o meu sonho uma casa boa pois tenho dois filhos com dificiencia física não são aposentado são gemeos tenho minhas filha e um filho uma neta preciso com urgencia

  70. Por Benilson santos rodrigues Em Dez 29, 2013 | Responder

    preciso muinto conpra uma casa pos estou morando de vavor oque presiso faser para conprar uma casa financiada pela caixa ,pos nao tenho comdisao finamceira de compra uma casa avista , quanto presiso dar de entrada na casa com 2 quartos sala cozinha e banhero , e quanto vou pagar por mes,obrigado

  71. Por suelen nayara alves duarte Em Dez 29, 2013 | Responder

    Oi so escrita desde13/06/2012cm possor saber que fui aprovadar eu morava cm meus pais agora moro de aluguel e pago300 por favor quero muito ganhar minha casa

  72. Por eliana Em Fev 17, 2014 | Responder

    O meu marido trabalha mas nao tem salario como fazer para dar entrada em uma casa

  73. Por carmem lucia costa pires Em Jun 6, 2014 | Responder

    eu trabalho de domestica e meu esposo e pedrero como eu faria para da entrada em um casa

  74. Por adileoso Em Ago 14, 2014 | Responder

    ola sou deficiente físico com poliomielite deste criança, hj tem mulher e 5 filhos, não tenha casa própria,fui contemplado pela minha casa minha vida, como recentemente passei a ter direito a pensão vitalícia de meu pai falecido, as atendente da prefeitura me fizeram assinar um termo de desistência devido a minha renda se superior a R$1660,00, GOSTARIA DE SABER SE ISTO ESTÁ CORRETO.
    Pois preciso de uma casa própria para morar com minha família.

Poste um comentario