Sem barba, nem arranhões.

6,663

Tomando os cuidados adequados, você pode raspar os pêlos todos os dias sem machucar ou irritar a pele do rosto

Fazer a barba pode mesmo virar um transtorno, caso alguns cuidados sejam deixados de lado. E as precauções não se limitam às loções e aos cremes usados antes e depois de retirar os pêlos. “A função da barba é proteger a pele que, sem essa capa, precisa ser ainda mais bem tratada”, afirma a especialista Luciana Conrado, da Sociedade Brasileira de Dermatologia.

As lâminas, sem dúvida, são a opção mais prática e simples para deixar a pele lisinha, desde que o aparelho seja manuseado e limpo da forma adequada. “Se a lâmina for de longo prazo, precisa ser esterilizada?, diz Luciana.” Já na primeira vez de uso, algumas bactérias que causam doenças podem se instalar ali e passar pelos poros abertos caso haja um corte.”




A cada barbear, lave as lâminas com água fervente e deixe secar no sol - usar um tecido para tirar a umidade faz com que elas fiquem cegas. Mas, se você não quiser se preocupar com a higienização, o jeito é optar pelos aparelhos descartáveis - e nem sonhe em reaproveitamento, sob o risco de empipocar todo o rosto ou sofrer com um infecção.


Depilação facial
Para os mais corajosos, a cêra é uma opção que prolonga o rosto lisinho. E, não, esse método não provoca a flacidez da pele, como alegam alguns homens para fugir das repuxadas doloridas. A opção deve ser evitada por quem tem pele oleosa, com tendência a entupir os poros e encravar os pêlos.Adriana Vilarinho, que atende celebridades como Gisele Bündchen, Zezé di Camargo e Gugu Liberato, aconselha fazer a barba durante ou após o banho, com sabonete comum ou espumas específicas para barbear. “O vapor quente abre os poros e deixa a pele longe das impurezas”, explica. Além disso, Luciana ressalta que esse hábito diminui o atrito entre as lâminas e a pele, tornando o barbear menos agressivo. A dica é ainda mais relevante para homens com pêlos grossos e que fazem a barba diariamente.

O ator André Segatti comprova, no dia-a-dia, o conselho das especialistas. “Faço a barba quando estou tomando banho, é bem mais fácil”. Para evitar os pêlos encravados, a dica dele é não economizar, usando sempre aparelhos novos.

Rosto macio
Caso você tenha horror aos pêlos no rosto e prefira eliminá-los com a lâmina, vá em frente: não há nenhum problema em raspar a barba todos os dias. “Preciso disso para manter um visual bem clean”, afirma o ator e diretor teatral, Rogério Fabiano. “Como costumo machucar o rosto, uso sempre uma loção pós-barba. Assim evito que algum poro infeccione.”

Só evite passar a lâmina mais de três vezes na mesma região, removendo demais a oleosidade e aumentando as chances de ressecamento e fissuras - o segredo é prestar atenção na direção em os pêlos crescem, manuseando o aparelho no sentido contrário. Também nem pense em abrir mão de uma loção revitalizante. Existem produtos pós-barba disponíveis para para todos os tipos de pele (se você não sabe qual é o seu, clique aqui e descubra).Pele seca
Nem pense em dispensar uma loção ou até um creme pós-barba, eles são fundamentais para garantir a hidratação da pele. Dê preferência a produtos sem álcool na fórmula. “Loções e cremes à base de aloe vera têm ação calmante que evitam o aumento da irritabilidade causada pelos microtraumas que as lâminas fazem na pele”, indica Luciana.

 

Pele oleosa
As únicas loções permitidas são aquelas em gel. Se possível, prefira uma fórmula contendo álcool de cereais, porque esse fluido diminui a oleosidade da pele e ainda provoca uma sensação de refrescância bastante agradável.Pele normal
Qualquer loção do tipo oil free é recomendada.

Normalmente, produtos à base de aloe vera (babosa) rendem bons resultados, pois evitam irritações e preservam a hidratação natural da pele.

Se tiver dúvidas deixe um comentário! Veja Também...

Poste um comentario